Publicado em 24 de abril de 2013 às 10:54

Aumento em aluguéis de lojas de aeroportos chega a 127%

Para poder aumentar a renda, após a concessão dos aeroportos de Brasília, Campinas e Guarulhos para a iniciativa privada, a Infraero decidiu ajustar os preços das licitações de espaços comerciais, publicitários, hangares e estacionamentos.

Para as novas licitações feitas após o vencimento de contratos, a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroviária receberá um aumento médio de 80%, para que as outras empresas possam usar estes pontos comerciais. Algumas empresas aceitaram pagar mais que o triplo do contrato anterior.

No caso do aeroporto de Congonhas, na capital paulista, a empresa Citibank irá pagar 127% a mais por um espaço publicitário. O espaço, antes locado por R$ 171,8 mil, agora chegará a valer R$ 390 mil. Já a empresa Cacau Show fez um proposta de R$ 60,3 mil para continuar no mesmo lugar, chegando ao dobro do valor anterior.

Esses valores foram alcançados graças a nova modalidade de licitação utilizada pela estatal. Anteriormente, as empresas davam seus lances por envelopes, vencendo o maior lance. Atualmente, os três maiores lances são convocados para um pregão presencial, o que aumenta a proposta muito além do valor inicial.

Da redação, com  informações Época Negocios