Publicado em 19 de junho de 2012 às 14:33

Empresas são autuadas por erro em balanças, multa chega a R$ 1,5 mi

Após a visita surpresa do Ipem – Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo -, essa semana que constatou que as balanças dos aeroportos de Cumbica – Guarulhos e Congonhas – São Paulo, estavam desreguladas, o Instituto informou que as empresas autuadas, têm 10 dias para apresentar defesa administrativa. Caso contrário, a multa aplicada varia entre R$ 100 e R$ 1,5 milhão.

Segundo o Ipem, 237 equipamentos foram verificados e 44 apresentaram peso incorreto para mais ou para menos.

Após as analises, foi constatado que 40% das balanças do aeroporto de Congonhas e 15% das balanças do aeroporto de Guarulhos, não aferem corretamente o peso.

Segundo José Tadeu Rodrigues Penteado – Superintendente do instituto -, os maiores índices de erros foram encontrados em balanças do aeroporto de Cumbica, uma delas pesou 3,5 kg a mais e em outra 7,5 kg a menos e esse tipo de falha põe em risco os passageiros durante o voo, já que o avião quando voa com peso acima do permitido pelo manual de operação, pode perder seu centro gravitacional, o que aumenta o risco de acidentes.