Publicado em 13 de novembro de 2012 às 14:51

Freios podem ter sido a causa do acidente com jato em Congonhas

De acordo com afirmação da Tropic Air, empresa responsável pela aeronave que derrapou e saiu da pista em Congonhas, uma falha nos freios pode ter sido a causa do problema, apontada pelos pilotos do avião.

Ainda segundo a Tropic Air, a aeronave havia passado por uma manutenção no dia 1 de novembro e nunca apresentou qualquer problema de funcionamento. A operação para removê-la começou nesta terça-feira.

Um vídeo de uma câmera de segurança de um estabelecimento em frente ao aeroporto registrou o momento exato em que o piloto tentou pousar, mas a aeronave acabou caindo no gramado e só parou no alambrado.

O jato executivo é de propriedade particular. Partiu de Florianópolis e tocou o solo na pista auxiliar de Congonhas às 17h27, momento do acidente.

Michael Rumpf Gaail, de 66 anos, pilotava o jato e continua internado na UTI do hospital Santa Paula. Ele sofreu traumatismo craniano, lesão no tórax e na coluna lombar, mas não foi necessária intervenção cirúrgica. De acordo com a Tropic Air, ele não corre risco de morte.

Da redação, com informações G1