Publicado em 21 de fevereiro de 2013 às 10:44

Abear se posiciona contra redistribuição de slots em Congonhas

A Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear) se posicionou contra as novas medidas divulgadas pela Secretaria de Aviação Civil (SAC) para a redistribuição de slots (direitos de pouso e decolagem de aeronaves em posse das companhias aéreas, para que possam operar nos aeroportos do Brasil).

A entidade vem representando as companhias aéreas, e acredita que as novas medidas podem prejudicar a popularização do transporte aéreo nacional, já que a medida pode encarecer as passagens.

Um dos critérios está relacionado com a pontualidade. Se a companhia aérea apresentar uma conduta de atrasos, pode perder espaço para companhias mais pontuais. Entretanto, pode parecer injusto visto que os atrasos podem envolver condições climáticas que não são de responsabilidade das empresas.

A Abear solicitou a realização de um debate, onde o papel da SAC seja limitado a apresentação de sugestões.

Da redação, com informações Veja