Publicado em 15 de outubro de 2014 às 12:26

Após ganhar 26 slots, Azul vai oferecer 50 conexões em Congonhas

Com a redistribuição dos horários de pousos e decolagens aprovada pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) em Congonhas, a companhia aérea Azul planeja oferecer mais de 50 conexões entre cidades brasileiras. Serão 13 pousos e 13 decolagens por dia em um dos aeroportos mais importantes do país, onde antes a Azul tinha apenas dois slots.

Belo Horizonte (Confins), Curitiba e Porto Alegre devem receber voos diretos de Congonhas a partir do dia 1º de novembro – a data de início de operação e o horário de voos desejados já foram enviados à Anac e agora dependem de aprovação para que os bilhetes possam começar a ser vendidos.

Antonoaldo Neves, presidente da Azul, explica que uma das principais apostas para se firmar entre as concorrentes no aeroporto é usar a força da malha regional da companhia, que atende a mais de 100 cidades em todo o país, para criar ligações que hoje não existem.

“Vamos oferecer mais possibilidades aos Clientes que desejam ir do interior para a capital. Com esse diferencial, será possível, por exemplo, ir e voltar de Pelotas (RS), Uberaba (MG) e Cascavel (PR) no mesmo dia. Ainda, haverá conexões para cidades como: Carajás (PA), Ipatinga (MG),Manaus (AM), Vitória da Conquista (BA) etc. Seremos a única empresa a oferecer tantas opções de conexão a partir de Congonhas.”

Com entrada da Azul em Congonhas a empresa agora está presente nos principais aeroportos do estado de São Paulo, com 50 voos diários em Guarulhos e a presença maciça em Viracopos, de onde opera 170 decolagens todos os dias.

A companhia disponibilizará ônibus executivos gratuitos de Congonhas a Guarulhos e Viracopos. As aeronaves utilizadas nos novos voos serão Embraer 195, que contam com TV ao vivo, serviço de bordo completo sem custo adicional e poltronas duplas com mais espaços para as pernas.